Análise da partida com e sem bola de Victor Cantillo contra o América-MG

Tática com Jow

Escrevo sobre o que rola dentro das quatro linhas de um campo de futebol.

ver detalhes

Análise da partida com e sem bola de Victor Cantillo contra o América-MG

Coluna do João Marcos Blunck Vojnovic

Análise de Tática com Jow

2.7 mil visualizações 28 comentários Comunicar erro

Análise da partida com e sem bola de Victor Cantillo contra o América-MG

Cantillo na vitória do Corinthians contra o América Mineiro

Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Por muito tempo (e com razão) foi questionada a parte defensiva do Cantillo. "É um ótimo passador, mas marca muito mal". Esse comentário, você, torcedor do Corinthians, já deve ter ouvido bastante. Mas já paramos para pensar que com nenhuma dupla de volante o Corinthians teve um ótimo poder de marcação desde o Tiago Nunes? Já foram inúmeras duplas testadas e os problemas continuam. Será que é justo culpar apenas o Cantillo? Ou o sistema defensivo como um todo que não funcionava?

No domingo, contra o América-MG, Cantillo pela primeira vez jogou como primeiro volante tendo outros dois volantes na sua frente. Em tese, ele joga mais "protegido". Mas na realidade, quem protegeu foi ele.

Em poucos momentos que o Corinthians subia a pressão, Cantillo tinha uma tarefa bem difícil. O Corinthians subia para pressionar em um 4-1-4-1, sendo Cantillo o "1" que protege tanto os quatro defensores, como cobre as costas dos quatro (cinco com Luan) que avançavam.

Victor Cantillo (em azul) faz a cobertura para Mosquito, Roni, Gabriel e Araos pressionarem.

Victor Cantillo (em azul) faz a cobertura para Mosquito, Roni, Gabriel e Araos pressionarem.

Reprodução: Premiere

E Cantillo cumpriu seu papel muito bem. Foi o jogador que mais teve interceptações do Corinthians (foram quatro), ganhou cinco divididas de bola e ainda teve dois desarmes, números que coroam a grande atuação sem bola.

Mas como eu disse no início do texto, acho injusto culpar um jogador quando o sistema é falho. Então, não poderia falar que o sistema defensivo todo do Corinthians foi muito bem e com isso, Cantillo se destacou também.

E por falar em organização defensiva, eu expliquei DETALHADAMENTE como foi o sistema defensivo do Corinthians diante o América. No vídeo abaixo, eu mostro a importância do Cantillo muito além dos números de desarmes, interceptações, divididas... Mostro também sua importância para manter o sistema organizado. Assista!

Já com a bola, é meio que "chover no molhado" dizer que Cantillo é um dos melhores volantes do Corinthians. Seus passes refinados e verticais (sempre buscando um jogador na frente), seus lançamentos e sua frieza para sair da pressão são marcas registradas do colombiano.

Cantillo sozinho acertou 51 passes de 58 tentados, tendo um aproveitamento de 88%. Para vocês entenderem a importância do camisa 24, Gabriel e Roni JUNTOS acertaram 39 passes de 53 tentados, juntos tiveram um aproveitamento de 73%. Cantillo SOZINHO acertou mais passes que Gabriel e Roni juntos.

Além disso, dos 58 passes tentados, 35 foram passes para frente. Ou seja, 60% dos passes do colombiano foram para um companheiro que estava mais avançado que ele. Enquanto isso, Roni e Gabriel juntos tentaram 25 passes para frente.

Outro destaque bem positivo para a partida de Cantillo é o fato dele ter sido o jogador do Corinthians que mais ficou com a posse de bola na partida. O Timão teve aproximadamente 44% de posse durante o jogo, desses 44% ninguém ficou mais com a bola do que Victor Cantillo (que teve 6,5% desses 44%).

E claro, para finalizar, não podia faltar o número que vocês estão mais acostumados quando escutam o nome do Cantillo. Ninguém acertou mais lançamentos que o camisa 24. Foram seis de oito tentados resultando em 75% de aproveitamento, liderando o Corinthians também nesse quesito.

A partida do Cantillo merece destaque. Foi o jogador que cuidou do meio campo com e sem a bola. Espero que o sistema defensivo possa continuar organizado, assim as chances do Cantillo se mostrar ser um bom defensor, aumentam. É um volante que com a bola sabe o que faz, mostrou que quer ser titular!

Veja abaixo um vídeo com alguns lances do Cantillo vs América-MG

Veja mais em: Victor Cantillo.

Coluna do João Marcos Blunck Vojnovic

Por João Marcos Blunck Vojnovic

Estudioso e apaixonado por tática e todas as suas variações.

O que você achou do post do João Marcos?

x