Corinthians 84 x 78 Rio Claro Basquete - NBB 2021

NBB 2021 - Corinthians 84 x 78 Rio Claro Basquete

Partida de futebol entre Corinthians 84 x 78 Rio Claro Basquete nNBB 2021

https://www.meutimao.com.br/jogo/7247/nbb_2021/corinthians-84-x-78-rio_claro_basquete

02:00

2022-02-17T20:00:00

Wlamir Marques

Endereço: R. São Jorge, 777, São Paulo, SP, Brasil

Corinthians 84 X 78 Rio Claro Basquete

NBB 2021
17 de fevereiro de 2022, 20:00
Corinthians 84 x 78 Rio Claro Basquete
Wlamir Marques, São Paulo, SP.

Sobre a Partida

Fuller fez grande jogo no momento decisivo em vitória do Corinthians

Corinthians reage após estar perdendo por 17 pontos e bate o Rio Claro no Ginásio Wlamir Marques

O Corinthians voltou a entrar em quadra pelo Novo Basquete Brasil na noite desta quinta-feira. No Ginásio Poliesportivo Wlamir Marques, o Timão bateu o Rio Claro por 84 a 78, em jogo direto pela vaga nos playoffs.

Depois de chegar a perder por 17 pontos, o Corinthians viveu uma grande reação e empatou o jogo no último lance para mandar a partida para a prorrogação. No tempo-extra, o Timão aproveitou a vantagem mental e venceu o jogo

Com a vitória, o Corinthians venceu uma "final antecipada" na briga pela vaga no mata-mata da maior competição de basquete do Brasil. Agora, o Timão tem uma campanha de playoffs com oito vitórias e 13 empates em 21 jogos.

Anota aí na agenda, Fiel: O próximo compromisso do Corinthians acontece no sábado. A bola sobe às 16h, no Ginásio Wlamir Marques, contra o complicado time de Franca.

Escalação

O treinador Léo Figueiró escalou Pedro Nunes, Milligan, Siewert, Paranhos e Miller. O Rio Claro, por sua vez entrou em quadra com Cassiano, Diego, Rodrigues, Betinho e Figueroa.

E o jogo?

Primeiro quarto

O jogo começou com o Corinthians forçando algumas bolas no ataque. Com dificuldade para criar situações claras de ataque, o Timão se precipitou bastante nos dois primeiros minutos. Na defesa, o time de Léo Figueiró também trabalhou bem, mas viu o Rio Claro abrir vantagem no início do duelo.

A primeira cesta do Corinthians rolou com quase três minutos de jogo. Renato Carbonari apareceu bem no garrafão e anotou os dois primeiros pontos do Timão. No lance seguinte, o camisa 15 acertou bola tripla e virou o jogo para o time de Léo Figueiró.

As duas equipes seguiram com dificuldades para acertar a cesta, o placar seguiu bem abaixo do normal. Por conta do péssimo aproveitamento no ataque, Léo Figueiró pediu o primeiro tempo técnico do jogo.

Após a pausa, Figueiredo e Paranhos protagonizaram um bom lance ofensivo e o Corinthians até tentou diminuir a vantagem do Rio Claro no placar. Com um primeiro quarto ruim do Timão, os visitantes lideraram o placar por 18 a 10.

Segundo quarto

O Corinthians voltou para o segundo quarto da mesma maneira que atuou pelos dez primeiros minutos: errando arremessos triplos e com uma defesa um pouco fraca. Com isso, o Rio Claro foi aumentando a vantagem.

Sem conseguir criar boas jogadas e preso na forte marcação do Rio Claro, o Corinthians seguiu chutando muito e acertando pouco. Com mais de quatro minutos de segundo período, o Timão só conseguiu anotar dois pontos.

Se o ataque não estava funcionando, a defesa também não. O Rio Claro seguiu forte, com bom aproveitamento, e anotou oito pontos rapidamente. Léo Figueiró, mais uma vez, pediu tempo.

A pausa surtiu um bom efeito, tendo em vista que o Corinthians conseguiu anotar cinco pontos consecutivos e diminuiu a vantagem para 11 pontos de diferença. Após isso, foi a vez de Fernando Penna, treinador do Rio Claro, pedir tempo.

A pausa, porém, não impediu o bom momento do Corinthians. Dalaqua apareceu e, em uma importante bola, diminuiu a vantagem para nove pontos. Após uma breve reação do Timão, o Rio Claro melhorou, teve um ataque de três pontos no último segundo do período e foi para o intervalo com uma boa liderança: 42 a 28.

Terceiro quarto

O Corinthians retornou do intervalo com uma melhora no lado ofensivo. O time passou a ter mais calma e escolheu melhor os arremessos tentados na partida. Por outro lado, o Timão seguiu com dificuldades para parar o Rio Claro.

Sem bloqueio, o Corinthians viu o seu garrafão ser uma mina de ouro para o time adversário. Cassiano, armador da equipe do interior paulista, castigou demais o Timão durante todo o jogo.

A partida seguiu na mesma pegada durante toda a sua duração. Sem tanta intensidade, depois de uma partida difícil contra o 123 Minas no último sábado, o Corinthians viu o Rio Claro se distanciar em jogadas de infiltração.

Em uma noite que tudo dava certo para o time do interior, o Rio Claro seguiu aumentando a sua vantagem no Ginásio Wlamir Marques. Com um final de terceiro quarto arrematador dos adversários, o Corinthians foi para o quarto decisivo perdendo por: 56 a 41.

Quarto final

O Corinthians tentou até o final a reação no quarto decisivo, mas, como todo o jogo, viveu dificuldades. No começo do quarto período, porém, viveu o seu melhor momento na partida e anotou sete pontos seguidos.

Por conta do bom momento corinthiano no começo do quarto final, o treinador Fernando Penna solicitou tempo técnico, já que a vantagem do seu time foi reduzida para apenas dez pontos. Após a pausa, o Corinthians seguiu vivendo o seu bom momento com Diego Figueredo. O camisa 9 fez a cesta, sofreu falta e acertou o lance livre bônus. Sendo assim, a vantagem caiu para sete pontos. Logo depois, Fuller fez linda jogada e anotou mais dois pontos.

O Corinthians seguiu na reação e com a defesa melhorou demais no jogo. Com pouco mais de três minutos restantes no placar, a vantagem do Rio Claro caiu para apenas três pontos, após jogada de raça de Paranhos.

Como de costume, a Fiel passou a empurrar demais os jogadores dentro de quadra. A reação, porém, foi travada em uma rara falha defensiva do Corinthians no último período e a diferença voltou aos seis pontos.

Já nos segundos finais, Malcolm Miller voltou a aparecer e conseguiu uma linda bola de três pontos. No lance seguinte, o Corinthians conseguiu defender bem e teve a oportunidade de uma última jogada para tentar empatar o duelo.

O treinador Léo Figueiró pediu tempo técnico para tentar armar uma boa jogada. Na sequência, Malcolm Miller, mais uma vez, acertou bola milagrosa, contou com ajuda da tabela e empatou o jogo. No relógio, porém, restou tempo para o Rio Claro atacar mais uma vez, mas a defesa marcou bem e o jogo foi para a prorrogação.

Prorrogação

Como o esperado, o jogo na prorrogação foi bastante disputado. Com três grandes jogadas, Zoom Fuller anotou setes pontos seguidos e o Corinthians passou a liderar o placar por cinco pontos.

Com o bom começo do Timão, o treinador do Rio Claro pediu tempo técnico. O Corinthians, por seu lado, seguiu ligado no jogo e Paranhos anotou mais dois após pegar rebote ofensivo.

Após abrir sete pontos, o Corinthians deu uma relaxada e viu o Rio Claro voltar para o jogo, marcando quatro pontos consecutivos e diminuindo para três pontos a vantagem alvinegra. Depois do susto, o Timão se recuperou e anotou quatro pontos desta vez.

Nos segundos finais, o Rio Claro passou a fazer faltas e, como a equipe já tinha estourado o limite, o Corinthians passou a cobrar lances livres. Com um bom aproveitamento, o Timão conseguiu segurar a vitória por 84 a 78.

Quem Atuou

Jogadores

  • Lucas Saul Siewert

    Lucas Siewert

    Pontos: 3
    Rebotes: 7
    Assistências: 3
    Tempo em quadra: 35m20s

  • Kyle Alejandro Fuller

    Fuller

    Pontos: 20
    Rebotes: 2
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 35m10s

  • Malcolm Jamal Miller

    Malcolm Miller

    Pontos: 11
    Rebotes: 7
    Assistências: 2
    Tempo em quadra: 33m40s

  • Diego Rafael Figueredo

    Figueredo

    Pontos: 19
    Rebotes: 7
    Assistências: 7
    Tempo em quadra: 27m30s

  • Alexandre Paranhos de Souza

    Paranhos

    Pontos: 12
    Rebotes: 6
    Assistências: 1
    Tempo em quadra: 27m20s

  • Pedro Barros Nunes

    Pedro Nunes

    Pontos: 3
    Rebotes: 3
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 21m10s

  • Renato Carbonari

    Renato Carbonari

    Pontos: 9
    Rebotes: 7
    Assistências: 1
    Tempo em quadra: 20m30s

  • Georgio Richardo Milligan

    Milligan

    Pontos: 2
    Rebotes: 7
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 16m00s

  • Felipe Dalaqua Almentra

    Dalaqua

    Pontos: 5
    Rebotes: 0
    Assistências: 1
    Tempo em quadra: 10m30s

  • Roberto da Rocha Fagundes Filho

    Beto

    Pontos: 0
    Rebotes: 0
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 0m30s

  • Alexandre Ludwig Agustinho

    Ludwig

    Pontos: 0
    Rebotes: 0
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 0m10s

Comente a partida: Corinthians 84 x 78 Rio Claro Basquete

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

x