Corinthians faz acordo com Bruno Paulo na Justiça do Trabalho; veja os detalhes

17 mil visualizações 233 comentários

Bruno Paulo ficou sob contrato com o clube entre maio de 2016 e julho de 2019

Bruno Paulo ficou sob contrato com o clube entre maio de 2016 e julho de 2019

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O departamento jurídico do Corinthians conseguiu mais um acordo na Justiça do Trabalho. Trata-se dos termos definidos para a retirada do processo do atacante Bruno Paulo, que foi iniciado no último mês de março. O Meu Timão teve acesso ao acordo homologado pelo juiz Renato Sabino Carvalho Filho, da 62ª Vara do Trabalho de São Paulo.

Pelo acordo, o Corinthians se comprometeu a zerar até 30 de setembro a pendência de Fundo de Garantia por Tempo de Serviço no valor de R$ 76,2 mil, que ainda serão acrescidos de multas, juros e correções monetárias nos termos da lei que rege o FGTS. A não quitação renderá uma multa de 30% sobre a dívida.

Além disso, o Corinthians se comprometeu a pagar outros R$ 6 mil a título de honorários advocatícios ao escritório que iniciou a ação na Justiça do Trabalho. A não quitação renderá uma multa de 20% sobre a dívida.

Bruno Paulo ficou sob contrato com o clube entre maio de 2016 e julho de 2019, com salários acordados de R$ 80 mil (1º ano), R$ 90 mil (2º ano) e R$ 100 mil (3º ano), além de luvas (bônus) no valor de R$ 270 mil.

Lesão na chegada e apenas um jogo

O atacante foi contratado pelo Corinthians mesmo com uma lesão ligamentar no pé esquerdo, que necessitou de uma intervenção cirúrgica. Na época, o jogador foi elogiado por ter sido sincero em apontar o problema, que teve de conviver no último mês de Osasco Audax.

Quando tentava ficar à disposição, Bruno Paulo teve de passar por mais uma cirurgia, desta vez, para a correção de uma hérnia lombar. O jogador só conseguiu estrear oito meses depois, no início de 2017 - amistoso contra a Ferroviária, em fevereiro de 2017, em Itaquera.

Foi sua única chance de vestir a camisa do Timão. Bruno Paulo passou a ser emprestado com salários pagos pelo Corinthians, vestindo as camisas de Santa Cruz, CRB e Brasil-RS.

Já sem vínculo com o Timão, Bruno Paulo disputou a Série B de 2020 pelo Guarani e, nos últimos dias, acertou com o Rayong FC, da Tailândia.

Veja mais em: Bruno Paulo, Diretoria do Corinthians e Processos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Willian e Róger Guedes juntos em mais um treino do Corinthians nesta sexta-feira

    'Quarteto' do Corinthians treina junto novamente e deve ser relacionado para partida de domingo

    ver detalhes
  • Atacante Cauê durante jogo entre Corinthians e Atlético-GO, pelo Brasileiro Sub-20

    Cauê recebe sondagens do exterior e segue com futuro indefinido pelo Corinthians

    ver detalhes
  • Luan participou normalmente das atividades do Corinthians desta sexta-feira

    Luan se recupera e treina com o elenco do Corinthians visando a partida contra o América-MG

    ver detalhes
  • Fagner exaltou os reforços do Corinthians

    Fagner exalta reforços, mas pede paciência para o Corinthians de Sylvinho

    ver detalhes
  • Arthur Elias encarou com naturalidade as dificuldades enfrentadas pelo Corinthians na primeira final do Brasileirão

    Arthur Elias analisa primeiro Dérbi na final do Brasileirão e projeta decisão ainda mais disputada

    ver detalhes
  • A escalação do Corinthians para o próximo jogo tem gerado bastante expectativa na torcida

    Torcida do Corinthians sugere possíveis escalações para jogo contra o América-MG; veja formações

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x