Mostra cultural em homenagem ao centenário de Dom Paulo Evaristo Arns é inaugurada pelo Corinthians

1.0 mil visualizações 15 comentários

Por Meu Timão

Dom Paulo Evaristo Arns, arcebispo emérito de São Paulo, era corinthiano declarado

Dom Paulo Evaristo Arns, arcebispo emérito de São Paulo, era corinthiano declarado

José Manoel Idalgo

O Corinthians inaugurou na manhã deste sábado a mostra cultural em homenagem ao centenário Dom Paulo Evaristo Arns. A exposição está abrigada no Memorial Corinthians, dentro do Parque São Jorge, em uma realização da diretoria de responsabilidade social e cidadania e da diretoria cultural do Timão.

A mostra estará aberta ao público até o dia 31 de outubro. A visitação poderá ser feita de terça a sexta, das 10h às 17h, e aos sábados, domingos e feriados das 10h às 16h - veja os valores da entrada abaixo.

No evento, marcaram presença o presidente do Corinthians, Duilio Monteiro Alves, o vice-presidente Luiz Wagner Alcântara, o diretor de Responsabilidade Social e Cidadania, Adílson Monteiro Alves, e o Padre Júlio Lancelotti, presbítero engajado em causas sociais e que era muito amigo de Dom Paulo Evaristo Arns.

"Agradeço muito o privilégio de estar aqui neste momento, celebrando o centenário de Dom Paulo. Gostaria de agradecer à diretoria do Corinthians e a todos que promovem este momento. Viver e conviver com Dom Paulo era uma aprendizagem contínua, tenho muito orgulho disso", afirmou o padre.

"É um prazer fazer parte das homenagens ao centenário de Dom Paulo, um homem que dedicou sua vida ao povo, que lutou contra o autoritarismo, e fico muito orgulhoso de estar ao lado do meu pai, que no Corinthians também levantou essa bandeira", completou Duilio.

O cardeal Dom Paulo Evaristo Arns, arcebispo emérito de São Paulo, faleceu em 2016 aos 95 anos. Torcedor do Corinthians declarado, se notabilizou pela atuação em causas sociais e pela defesa dos direitos humanos. Trabalhou como professor de teologia em favelas do Rio de Janeiro e dedicava-se em projetos com presos do Carandiru em São Paulo.

Durante a Ditadura Militar, já elevado a cardeal, criou a Comissão Justiça e Paz. O intuito era dar suporte a pessoas perseguidas pelo regime ditatorial. Suas ideias eram muito parecidas à Democracia Corinthiana, movimento liderado por Sócrates, Casagrande, Wladimir & cia, sempre visando a restauração da democracia no país.

Valores da visitação ao Memorial Corinthians

  • R$ 10,00 (inteira) / R$ 5,00 (meia)
  • Crianças até 05 anos, sócios do clube, Fiel Torcedor, idosos com 65 anos ou mais, cadeirantes e demais necessidades especiais: grátis
  • Visita Monitorada: R$ 25 (inteira)/ R$ 12,50 (meia)

Veja mais em: Parque São Jorge.

Veja Mais:

  • Giovane marcou três dos cinco gols na goleada do Corinthians neste sábado

    Corinthians goleia Velo Clube em estreia da segunda fase do Paulistão Sub-20

    ver detalhes
  • Presidente do Corinthians, Duilio Monteiro, falou sobre os reforços de peso

    Duilio revela o percentual do Corinthians nos direitos de 'quarteto mágico'

    ver detalhes
  • Corinthians enfrenta a Ferroviária na semifinal do Paulistão

    Corinthians visita a Ferroviária em jogo de ida da semifinal do Paulistão Feminino; saiba tudo

    ver detalhes
  • Corinthians apresentou balancete dos oito primeiros meses sob o comando de Duilio Monteiro Alves

    Corinthians registra novo superávit com redução de gastos significativa em balancete até agosto

    ver detalhes
  • Giuliano durante a atividade deste sábado no CT Joaquim Grava

    Corinthians faz treino tático com presença de Renato Augusto e Giuliano neste sábado

    ver detalhes
  • O Corinthians Sub-17 venceu todos seus duelos até o momento

    Corinthians vence o Independente de Limeira e segue com 100% de aproveitamento no Paulista Sub-17

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x