Corinthians pressiona Ferroviária, mas estreia com empate no Paulista 2022

30 mil visualizações 978 comentários

Corinthians empatou em 0 a 0 com a Ferroviária nesta terça-feira pelo Paulistão

Corinthians empatou em 0 a 0 com a Ferroviária nesta terça-feira pelo Paulistão

Danilo Fernandes/Meu Timão

Corinthians 0 X 0 Ferroviária

Paulista 2022
25 de janeiro de 2022, 21:00
Corinthians 0 x 0 Ferroviária
Neo Química Arena, São Paulo, SP.

O Corinthians iniciou a temporada 2022 com um empate. A equipe do Parque São Jorge recebeu a Ferroviária, pelo Campeonato Paulista, e a partida terminou em 0 a 0, na Neo Química Arena.

O Timão foi o único do seu grupo a estrear até o momento. Assim, o empate colocou a equipe do Parque São Jorge como primeiro do Grupo A. A situação ainda pode ser alterada nesta semana: Inter de Limeira e Água Santa jogam nesta quarta-feira, contra São Bento e Santos, respectivamente. Já o Guarani estreia na quinta, contra o São Paulo.

Anota aí, Fiel! - O próximo jogo do Corinthians é no domingo, fora de casa. O Timão enfrenta o Santo André, às 18h30, no Estádio Bruno José Daniel, no ABC Paulista. As entradas para o confronto já estão disponíveis.

Escalação

Para o primeiro jogo da temporada de 2022, Sylvinho foi a campo com: Cássio, Fagner, João Victor, Gil e Lucas Piton; Du Queiroz, Giuliano e Renato Augusto; Willian, Róger Guedes e Mantuan.

Escalação do Corinthians para o duelo contra a Ferroviária

Meu Timão

Confira a análise do Meu Timão sobre o desempenho do Corinthians

O jogo

Primeiro tempo

A primeira chegada do jogo foi da equipe adversária. Willian cometeu uma falta pelo lado esquerdo e a Ferroviária teve a chance de alçar uma bola na área mas, na tentativa, Gil fez o corte de cabeça.

Aos seis minutos, o Timão teve sua primeira boa chance. Renato Augusto, de três dedos, achou Fagner pela direita. O camisa 23 cruzou e Giuliano vinha chegando para finalizar, mas a defesa da Ferroviária fez o corte. Poucos minutos depois, Willian foi derrubado próximo da entrada da área e o Corinthians pôde tentar nova ameaça, mas a bola saiu rente à trave, pelo lado esquerdo.

O longo dos minutos iniciais, o Corinthians passou a deixar a Ferroviária com mais posse de bola, mas começou a pressionar o time adversário. Aos 15 minutos, Lucas Piton e Róger Guedes tabelaram pelo lado esquerdo. O camisa 6 cruzou na área e Gustavo Mantuan subiu para cabecear. A bola passou perto, mas acabou saindo por cima do travessão.

No lance seguinte, Renato Augusto chegou muito bem pela esquerda. O camisa 8 driblou os adversários e conseguiu cruzar rasteiro dentro da área. A bola foi rebatida pela defesa e Giuliano arriscou na entrada da grande área, mas acabou travado pela zaga.

A Ferroviária passou a ceder mais espaço para o Corinthians. A medida que a equipe visitante saía para tentar atacar o Timão, o Corinthians conseguia responder e chegar mais agressivamente, sobretudo pelo lado esquerdo do campo. Aos 28, Guedes recebeu uma bola alongada, levou até a linha de fundo e conseguiu bater em direção ao gol. A bola foi desviada pela zaga e movimentou as redes pelo lado de fora.

Aos 34 minutos, o Corinthians chegou muito bem com Willian pelo lado direito do campo. O camisa 10 levantou a cabeça e viu Renato Augusto chegando na entrada da área. O meia do Timão chegou chutando e soltou uma bomba na direção do goleiro Saulo e deu trabalho para o arqueiro.

A resposta da Ferroviária veio dois minutos mais tarde, com uma bola aérea cruzada na área do Timão. Em uma boa tentativa do time adversário, Cássio acompanhou bem o lance para evitar que o placar fosse aberto.

O Corinthians seguiu tentando. Róger Guedes, aos 40 minutos, acionou Lucas Piton pela esquerda. O camisa 6 conseguiu cruzar, mas foi travado pela defesa e garantiu um escanteio para o Timão. Na batida, a bola rodou na entrada da aérea e sobrou para Willian, na direita. O camisa 10 buscou Guedes, que tentou um peixinho para finalizar.

O primeiro tempo de jogo ainda teve dois minutos de acréscimos. Apesar das boas chegadas do Timão, as equipes fecharam a primeira etapa sem abrir o placar.

Segundo tempo

Precisando marcar para sair com a vitória na primeira etapa, o Corinthians voltou para o segundo tempo sem nenhuma alteração. A Ferroviária também não fez modificações no intervalo para os 45 minutos finais.

Logo aos três minutos, um chute de perna esquerda de Fagner fez o goleiro Saulo precisar fazer uma boa defesa contra o Timão. No lance seguinte, Lucas Piton avançou pelo lado esquerdo e conseguiu um escanteio para o Timão. Giuliano cobrou curto e achou Willian, que tentou dominar e bater da entrada da área.

Quatro minutos mais tarde, o Corinthians seguiu na pressão para cima da Ferroviária. Willian chegou muito bem pela direita e, mais tarde, foi a vez de Róger Guedes chegar pela entrada da área e arriscar um bom chute. A bola, porém, foi defendida pelo goleiro.

Aos 15 minutos de jogo, Sylvinho começou as movimentações no banco de reservas. O treinador chamou Paulinho e Gabriel Pereira para se prepararem para entrar em campo na Neo Química Arena. Du Queiroz saiu do gramado para a reestreia de Paulinho, já GP entrou no lugar de Gustavo Mantuan.

Paulinho precisou de apenas seis minutos em campo para tentar uma finalização com a camisa do Corinthians. Em uma cobrança de falta, Lucas Piton alçou a bola na grande área o camisa 15 subiu para tentar cabecear.

A Ferroviária seguiu tocando a bola, mas o Corinthians diminuiu o aproveitamento dos espaços. Aos 27 minutos, a equipe adversária subiu com perigo. Igor dividiu com Lucas Piton e Cássio conseguiu fazer a defesa. O lateral-esquerdo do Timão tentou responder com um chute de fora da área; a bola passou perto, mas saiu por cima do travessão.

Aos 30 minutos, o Corinthians voltou a incendiar a partida. A equipe do Parque São Jorge chegou bem com Fagner pela direita. O lateral achou Róger Guedes, que deixou a bola para Paulinho, que ia entrando na grande área. O estreante da noite achou os espaços na infiltração e conseguiu chutar, mas a bola foi rebatida em uma grande confusão dentro da área.

A Fiel começou a cantar mais alto para seguir ajudando o Corinthians a partir para cima da Ferroviária. Na sequência, Sylvinho realizou mais uma alteração no time do Corinthians: Gustavo Mosquito entrou no lugar de Willian. Aos 35 minutos, Róger Guedes recebeu uma boa bola de Fagner e ficou cara a cara com o goleiro Saulo. O camisa 9, porém, mandou a bola por cima do gol.

A tentativa de abrir o placar seguiu. Aos 38, o Corinthians voltou a buscar o tento com Paulinho. O volante recebeu uma boa bola e cabeceou para o chão, mas a bola saiu rente à trave esquerda do goleiro Saulo. Ainda na reta final do jogo, o Timão seguiu martelando o adversário. Paulinho e Róger Guedes voltaram a tumultuar a área adversária, mas não conseguiram balançar as redes.

A arbitragem deu mais cinco minutos de acréscimos para Corinthians e Ferroviária no segundo tempo. Aos 48, a equipe do Parque São Jorge tentou uma subida com Róger Guedes, mas a bola saiu por cima do travessão. Assim, a partida terminou com o placar zerado em Itaquera.

Lances e chances de gol de Paulinho em sua reestreia no Corinthians

Veja mais em: Corinthians x Ferroviária e Campeonato Paulista.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a notícia:

  • Comentários mais curtidos

    Foto do perfil de Renato

    Ranking: 4448º

    Renato 383 comentários

    @renato.macedo3 em

    Hoje eu vi Renato Augusto de 1°volante, vi Roger guedes de lateral esquerdo, Giuliano acho que fez a pior partida no Corinthians, Mantuan não é centroavante Sylvinho, não dá pra enxergar isso?
    Pra mim esse João Victor logo logo será vendido porque joga muuuuito. De resto vamos rezar por Sylvinho vazar pra não comprometer o ano.

  • Foto do perfil de Aleks

    Aleks 28 comentários

    @aleks.freires1 em

    Eu vi o jogo é tenho que confessar que esperava mais, mas está longo de ser sido uma tragédia, foram apenas 10 dias de treinamentos, com alguns jogadores recém saídos da quarentena?
    O time jogou bem melhor que acabou o BR21, olha quantas defesas o goleiro dos caras fizeram?
    Vi ultrapassagens, vi cruzamentos para dentro da área, vi arremates da intermediária coisas que eram raras no final do ano?
    O Paulistão vai servir de entrosamento para o time. Vamos apoiar e ter paciência pelo menos nestes 90 dias? Aí depois se não houver evolução? Não haverá nada a fazer se não trocar o técnico!

  • Últimos comentários

    Foto do perfil de Paulo

    Ranking: 2502º

    Paulo 712 comentários

    978º. @paulohumberto em

    Mano! Não vou falar muito!
    Tá na hora do Silvinho fingir que vai ca H! E dar o fora!
    Ainda não é a hora de ser treinador do Timão!
    Vazaaaa truta!

  • Publicidade

  • Foto do perfil de Ismael

    Ranking: 2117º

    Ismael 826 comentários

    977º. @ismaelvip em

    Pior é ver o Palmeiras com 2 vitórias no Paulistão, ver os caras ganhando a copinha e se bobear a gente não vai mais tirar um barato que os caras não tem Mundial... Acorda Corinthians. Time bom começa com um bom técnico. Os caras tem o dinheiro da LEILA, mas se não tivesse o Abel que deu um nó tático no Flamengo os caras não tinham ganhado a Libertadores. Fosse o SYLVINHO naquele time o Renato Gaúcho não seria demitido e tinha enfiado um monte... Setaloko

  • Foto do perfil de Juliane Bauer

    Ranking: 2640º

    Juliane 671 comentários

    976º. @juliane.bauer14 em

    Empate ficou bom tamanho

  • Foto do perfil de Reginaldo

    Ranking: 1199º

    Reginaldo 1334 comentários

    975º. @reginaldo.guedes.de3 em

    Infelizmente é isto que vamos ver o ano inteiro, os adversários bem fechados, tentando contra ataques, e muitas vezes tendo bons resultados e o Corinthians, jogando lentamente lentamente, sem criatividade, sem velocidade, sem movimentação, de vez em quando conseguindo um gol pela qualidade individual de cada jogador, mas sempre sem esquema de jogo.

    Títulos para este ano! Esquece, só decepções, e não adianta culpar jogadores não, pois temos grandes jogadores, mas o futebol de hoje, exige estratégia de jogo, exige muita velocidade e rapidez nas decisões de campo.

  • Foto do perfil de Eduardo

    Eduardo 14 comentários

    974º. @eduardo.caetano4 em

    O ódio da galera pelo Sylvinho cega!

    Nossos principais jogadores NÃO SÃO VERSÁTEIS! Todos jogam muito bem em suas funções e quebram um galho em alguma outra.

    Para o time variar, primeiro precisa encontrar uma formação ideal, pra isso precisa ter um time completo, que não tem!

    Tem que testar entre Du, Cantillo, Xavier etc. PRECISA de um atacante, ou vai ter que tentar com William e Guedes sem CA fixo.

    Eu acredito que a melhor trajetória seria fechar o elenco, definir um estilo principal de jogo e depois criar variações. Não da pra fazer isso com o elenco sendo remendado, reforços chegando, Covid, jogadores fora de forma, etc. Etc. Mas duvido que esse processo será respeitado...

    Nem os grandes treinadores montam time de uma hora pra outra, imagina o cara que tá no início da carreira.

  • Foto do perfil de Ismael

    Ranking: 2117º

    Ismael 826 comentários

    973º. @ismaelvip em

    Muito fominha Roger Guedes. O time não estava entrosado. Parecia que todo mundo queria ser o autor do primeiro Gil da temporada. Futebol é coletivo pow. E Mantuan não apreveita mesmo a chance. Fraco pra jogar no Corinthians

  • Foto do perfil de Adriano

    Adriano 95 comentários

    972º. @adriano.fascion em

    Primeiro jogo da temporada, os jogadores todos em forma já, todos com ritmo intenso de jogo, todos entrosados já, e o Senhor Sylvinho me era esse mundo de gol que errou, não dá pra acreditar que o Sylvinho erre esse tanto de gol...
    Meu Deus, não dá pra acreditar que a torcida já está pegando no pé do técnico no primeiro jogo...
    O Time inteiro erra gol a culpa é do técnico, alguns TORCEDORES CORINTHIANOS JÁ VIROU TUDO MODINHA INFELIZMENTE!

  • Foto do perfil de Dê

    28 comentários

    971º. @jailson.araujo.torre em

    Esse cara chamado Sylvinho não dá, meu o cara não tem vários de sistema, se amarra no 4 1 4 1, William correndo pra marca lateral que desperdício, William tinha que jogar solto sem obrigação de marca, até quando vamos aguentar esse aprendiz?

x