Palmeiras 0 x 2 Corinthians - Final - Paulista Sub-17 2021

Paulista Sub-17 2021 - Palmeiras 0 x 2 Corinthians

Partida de futebol entre Palmeiras 0 x 2 Corinthians nPaulista Sub-17 2021

https://www.meutimao.com.br/jogo/7236/paulista_sub-17_2021/palmeiras-0-x-2-corinthians

02:00

2021-12-20T10:00:00

Allianz Parque

Endereço: Rua Turiassu, 1840 - Perdizes, São Paulo - SP, 05005-000, São Paulo, SP, Brasil

Palmeiras 0 X 2 Corinthians

Paulista Sub-17 2021
20 de dezembro de 2021, 10:00
Palmeiras 0 x 2 Corinthians
Allianz Parque, São Paulo, SP.

Sobre a Partida

Corinthians vence, supera Palmeiras nos pênaltis e fica com o título Paulista Sub-17

O Corinthians enfrentou o Palmeiras nesta segunda-feira pela grande final do Campeonato Paulista Sub-17. A equipe do Parque São Jorge venceu o duelo por 2 a 0 no Allianz Parque e conquistou o título.

O gol marcado por Kayke, ainda na primeira etapa de jogo, deu esperança e força para o Timão tentar reverter o placar de 3 a 1 sofrido no duelo de ida. O Corinthians dominou as principais ações da partida, mas desperdiçou algumas chances importantes. No final da segunda etapa, o gol que levou a decisão do título para os pênaltis foi de Wesley Gassova, a dois minutos do fim do jogo.

Nas penalidades, o goleiro Kauê brilhou na primeira e última batida do Palmeiras e não deixou os rivais balançarem as redes. Por outro lado, os quatro batedores corinthianos que cobraram os pênaltis, converteram e confirmaram o título paulista.

O Corinthians encerra o campeonato estadual com 22 jogos disputados. A equipe venceu 17, empatou quatro e sofreu apenas uma derrota - justamente no jogo de ida da final. Foram 56 gols a favor e 11 contra.

Escalação

A equipe do técnico Gustavo Almeida foi a campo com: Kauê; Thomas Argentino, Renato Santos e Vitor Meer; Léo Mana, Pedrinho, Breno Bidon, Guilherme Biro e Kayke; Pedro e Felipe Augusto.

Escalação do Corinthians para o duelo contra o Palmeiras

Meu Timão

Já o rival, do técnico Orlando Ribeiro, foi escalado com: Zé Henrique; Gilberto, Mina, Serafim e Gustavo Lopes; Belluco, Léo e Gustavo Sciencia; Wendell, Kauan Santos e Daniel.

O jogo

Primeiro tempo

Precisando reverter o placar do jogo de ida, o Corinthians já iniciou a partida pressionando o Palmeiras. Logo no primeiro minuto de jogo, o Timão alçou uma bola na área com Léo Mana. Pedrinho se esticou para finalizar e, por pouco, não abriu o placar para a equipe do Parque São Jorge.

O Palmeiras esboçou uma reação aos quatro minutos de partida. A equipe rival chegou pelo lado direito, mas o goleiro Kauê saiu bem e conseguiu ficar com a bola antes que o ataque adversário pudesse criar grandes chances.

Enquanto o Timão tentava colocar fogo na partida nos minutos iniciais, o Palmeiras buscou dar ritmo e tentar controlar o duelo. O rival, com o 3 a 1 no jogo de ida, poderia confirmar o título com um empate sem gols nesta segunda-feira.

A estratégia do Corinthians deu certo. Com dez minutos de partida, o Timão marcou seu primeiro gol no duelo. Breno Bidon enganou a marcação e deu um ótimo passe em profundidade para Pedro, que achou Kayke dentro da área palmeirense. O camisa 7 do Corinthians não foi marcado dentro da área e furou o bloqueio adversário.

Aos 20 minutos, o Corinthians fez uma ótima chegada pelo lado esquerdo. Guilherme Biro iniciou a jogada e a bola sobrou para Kayke, que pegou mal na batida. Ainda assim, Felipe Augusto tentou finalizar na nova sobra de bola e a bola saiu pela esquerda do goleiro do Palmeiras, rente à trave.

Enquanto a equipe do Parque São Jorge dominava as principais ações do jogo, o adversário não havia feito nenhuma finalização na primeira etapa até os 23 minutos - em uma jogada que o goleiro Kauê conseguiu defender sem perigo. Além disso, quando o rival conseguia passar do meio de campo, acabava parando na linha defensiva do Corinthians.

Aos 29 minutos de jogo, o Corinthians buscou outra chegada pelo lado esquerdo. Felipe Augusto recebeu a bola na grande área e tentou finalizar com a perna esquerda. Houve um desvio no zagueiro adversário e os corinthianos ficaram reclamando de uma possível penalidade, mas a arbitragem deu apenas um escanteio para o Timão.

Na sequência da cobrança de Guilherme Biro, o Palmeiras ficou com a sobra de bola e arrancou para o campo defensivo do Timão. Kauan Santos não foi parado por Thomas Argentino e Breno Bidon e conseguiu avançar com perigo para a defesa corinthiana. Vitor Meer se antecipou e conseguiu tirar a bola no último segundo para evitar o empate.

A partida teve três minutos de acréscimos. O Palmeiras conseguiu mais uma chegada nesses minutos finais. O palmeirense passou pela zaga do Corinthians, mas acabou pagando embaixo da bola e não conseguiu finalizar. Assim, a arbitragem finalizou a primeira etapa de jogo.

Segundo tempo

Precisando de mais um gol para levar a partida para os pênaltis, o Corinthians voltou para o segundo tempo com a mesma postura da primeira etapa: indo para cima para buscar o resultado necessário.

Aos cinco minutos, Pedro partiu para cima pelo lado esquerdo. O corinthiano, que podia ter acionado Felipe Augusto, acabou perdendo a bola, mas viu Guilherme Biro e Léo Mana tentarem finalizar com grande perigo.

O Timãozinho chegou a balançar as redes aos nove minutos. Após um levantamento de Léo Mana na área, Thomas Argentino subiu para cabecear e mandar para o fundo da rede. A arbitragem, porém, pegou impedimento no lance e anulou o tento do corinthiano.

Aos 13 minutos, Guilherme Biro bateu um escanteio e apareceu bem na área logo na sequência. O camisa 10 acabou não batendo para o gol, tentando cruzar para Felipe Augusto. Mesmo na bobeada da defesa do Palmeiras, o Corinthians não conseguiu finalizar em mais uma chance criada.

O Palmeiras tentou responder as tentativas do Corinthians em uma jogada de velocidade com Daniel pelo lado esquerdo, mas a tentativa foi anulada por Thomas Argentino, que fez uma ótima partida. Na sequência do lance, o Corinthians fez a primeira alteração: Pedrinho deu lugar a Leo Agostinho.

A equipe adversária também realizou algumas alterações a partir dos 20 minutos. Com as mudanças, os donos da casa passaram a jogar com uma linha de seis no setor defensivo já que a vitória simples do Timão não tirava o título do rival. Assim, a equipe do técnico Gustavo Almeida passou a ter mais dificuldade para infiltrar a defesa do Palmeiras.

Aos 30 minutos de jogo, já na reta final, o palmeirense Allan partiu para cima de dois marcadores corinthianos e bateu forte em direção ao gol. O goleiro Kauê fez uma ótima defesa e foi o responsável por evitar, novamente, a tentativa de empate do adversário.

O técnico Gustavo Almeida ainda realizou duas alterações na reta final do jogo. Murilo e Wesley se prepararam para entrar nos lugares de Renato e Kayke, respectivamente.

A dois minutos do fim, o gol que manteve o Corinthians vivo pelo título paulista saiu dos pés de Wesley Gassova. O jogador recebeu a bola roubada por Guilherme Biro no meio de campo e finalizou de forma precisa para marcar o segundo o Timão. Com o tento, os alvinegros levaram a partida para as penalidades máximas.

Pênaltis

O Palmeiras abriu as cobranças de pênalti com Thalys. A estrela de Kauê brilhou e o corinthiano fez a defesa, colocando o Timão na frente. Na sequência, Felipe Augusto converteu e garantiu o primeiro gol do Corinthians. Todos os corinthianos que bateram, converteram seus pênaltis: Caio, Guilherme Biro e Murilo.

Kauê ainda voltou a brilhar na última batida do rival. Kauan partiu para batida e o goleiro do Timão apontou seu canto direito. O palmeirense bateu do lado oposto e Kauê caiu no canto certo para fazer a defesa e garantir o título do Paulistão Sub-17 para o Timão!

Ficha técnica de Palmeiras 0 x 2 Corinthians

Competição: Campeonato Paulista Sub-17
Local: Allianz Parque, São Paulo, SP
Data: 20 de dezembro de 2021 (segunda-feira)
Horário: 10h00 (de Brasília)
Árbitro: Tiago de Mattos da Silva
Assistentes: Raphael de Albuquerque Lima e Denis Matheus Afonso Ferreira
Gols: Kayke Ferrari, Wesley Gassova (Corinthians)
Cartões amarelos: Gustavo Sciencia (Palmeiras); Thomas Argentino (Corinthians)

PALMEIRAS: Zé Henrique; Gilberto (Carlinhos), Mina (Gabriel Vareta), Serafim, Gustavo Lopes, Belluco (Allan), Léo (Marquinhos), Gustavo Sciencia, Wendell (Thalys), Kauan Santos e Daniel (Jota).
Técnico: Orlando Ribeiro

CORINTHIANS: Kauê Vinicius; Thomas Argentino, Renato Santos (Murilo Puliero), Vitor Meer (Vinicius Cressi), Léo Mana, Pedrinho (Leo Agostinho), Breno Bidon, Guilherme Biro, Kayke Ferrari (Wesley Gassova), Pedro (Caio Moraes) e Felipe Augusto.
Técnico: Gustavo Almeida

Comente a partida: Palmeiras 0 x 2 Corinthians

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

x