Sylvinho e Doriva projetam São Paulo 'super motivado' para enfrentar o Corinthians no Morumbi

1.9 mil visualizações 32 comentários

Por Marcelo Contreras e Tomás Rosolino

Doriva e Sylvinho concederam coletiva de imprensa nesta sexta-feira

Doriva e Sylvinho concederam coletiva de imprensa nesta sexta-feira

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

O técnico Sylvinho e o auxiliar Doriva falaram sobre a expectativa para o Majestoso de segunda-feira. Às 20h, o Corinthians visita o São Paulo, em um momento de reformulação do time do Morumbi. A equipe adversária, que demitiu o treinador Hernán Crespo e anunciou Rogério Ceni para a vaga no mesmo dia, vai para o segundo jogo com o novo comandante.

“Momentos diferentes, o São Paulo está passando por outro momento, uma troca recente de treinador, a volta de um ícone do clube e isso é um fator importante desse clássico. Nós temos que continuar na linha que a gente tem tido do nosso trabalho, enfrentando todos os jogos, jogo a jogo, com a maior seriedade possível, estudando os adversários. Com certeza, nós vamos nos preparar bem para fazer um grande clássico”, afirmou Doriva, em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira

“Todos os jogos tem os seus componentes, esse jogo se trata de um grande clássico, um clássico tradicionalíssimo, um Majestoso. A gente sabe que o São Paulo é uma grande equipe, tem o fator novo do treinador novo, com essa identidade toda que ele tem com o clube com certeza eles vão estar super motivados. Mas também nós vamos estar motivados sabendo que é um jogo importantíssimo da competição”, completou o auxiliar.

O São Paulo vem na 13ª posição no Campeonato Brasileiro, com 31 pontos, apenas quatro a mais que o Bahia, primeiro time dentro da zona de rebaixamento. Mais acima, o Corinthians é o sexto, com 40, podendo entrar no G-4 em caso de vitória no Majestoso. Apesar do distanciamento na tabela, Sylvinho acredita que a essa diferença não afeta o equilíbrio do duelo.

“Indefere a situação do adversário, é clássico, o jogo é de muita rivalidade, disputado. Não está em jogo o objetivo de um time ou de outro, o momento de um ou de outro, está em jogo 90 minutos de um clássico e que a camisa dos dois times pesam, são fortes, a rivalidade, enfim. É um jogo duro, um jogo difícil, os dois vão se montar, vão ter as suas estratégias, tem muita qualidade em campo dos dois lados, atletas com capacidade de definição e é isso que nós esperamos. É o que nós esperamos, grau de dificuldade grande, o campeonato já é de um grau de dificuldade muito grande, e o clássico não é diferente”, ponderou o treinador.

Notícias relacionadas
Notícias relacionadas
Fábio Santos pode passar Sylvinho em número de jogos pelo Corinthians no clássico Fábio Santos pode passar Sylvinho em número de jogos pelo Corinthians no clássico
Sylvinho comenta possível chegada de Paulinho ao Corinthians: Todo time gostaria Sylvinho comenta possível chegada de Paulinho ao Corinthians: 'Todo time gostaria'

Mudança na preparação

A troca de técnicos no São Paulo aconteceu na quarta-feira. No dia seguinte, contra o Ceará, Rogério Ceni fez sua primeira partida de volta ao cargo. Sylvinho explicou como essa mudança afeta o Corinthians e falou sobre as mudanças que promoveu na preparação para o embate.

“Vamos olhar hoje a tarde já esse jogo em câmera aberta, mas isso é uma peculiaridade muito do Campeonato Brasileiro, muitas vezes com a perda dos cargos de treinadores, a gente acaba tendo que se adaptar a situações como essa, de você estar preparando um jogo com um treinador e muda completamente. Essa não é a primeira vez e não vai ser a última. O conhecimento do Rógerio como treinador, um grande treinador que é, sua forma de jogar, o seu comportamento, isso aí ajuda bastante, norteia, mas enfim. Muito mais do que a tática, estratégia e tudo que vem, as novidades, a grandeza do clássico, a grandeza do espetáculo, dos jogadores que estão, que são os verdadeiros protagonistas ali, e eu tenho certeza que vai ser um grande jogo segunda-feira à noite”, disse Sylvinho.

Números no Morumbi

O retrospecto do Timão em clássicos contra o São Paulo no Morumbi é positivo. Dos 145 jogos realizados no estádio, a equipe alvinegra saiu vitoriosa de 47, empatou outros 60 e perdeu 38. São 160 gols marcados e 158 sofridos.

Apesar da vantagem, o Corinthians vem de uma sequência clássicos sem vencer na casa do rival. Já são sete confrontos, com quatro derrotas e três empates. Sylvinho falou sobre o retrospecto recente e ainda relembrou a época de jogador para ilustrar o momento.

"Quando a gente começa o material do adversários, tudo está em pauta, depois vamos buscar o que potencializa ou não para o jogo. Algumas estatísticas que não faz parte dessa geração, nós desprezamos para o trabalho que vamos colocar para os atletas. Os números que mais nos interessam são números de campo, mapa de calor, onde a bola entra, parte defensiva, enfim, e aí sim vamos decorrer sobre muitos números e estudá-los para estratégia de jogo. Nem sempre essas estatísticas influenciam e, por isso, não levamos como estratégia de jogo", disse o técnico.

"Nunca me deparei com essa situação (de tabu). Eu sempre me preparei para os jogos de forma parecida. A confiança que eu tinha como atleta em mim mesmo, indiferente do nível dos jogos, eu me prepara sempre da minha maneira. Entendo que tem jogos e jogos, mas não entrava em brincadeiras, nunca entrei. Meu negócio era me preparar, jogar e ganhar o jogo", lembrou o treinador, falando sobre sua época de jogador.

Veja mais em: Sylvinho, Corinthians x São Paulo e Majestoso.

Veja Mais:

  • Willian participou normalmente das atividades do Corinthians neste sábado

    Corinthians encerra preparação para o duelo contra Athletico-PR; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Gabriel e Mosquito marcaram os gols do Corinthians no último duelo contra o Athletico-PR na Neo Química Arena

    Corinthians encontra Athletico-PR pela sétima vez na Neo Química Arena; Timão tem apenas uma vitória

    ver detalhes
  • Roni retorna de suspensão para reforçar o Corinthians contra o Athletico-PR

    Corinthians divulga relacionados para a partida contra o Athletico-PR com retorno de volante

    ver detalhes
  • Guilherme Biro deu duas assistências e ajudou o Corinthians a se classificar em primeiro lugar para as quartas

    Corinthians vence a Ponte Preta e se classifica em primeiro lugar para as quartas do Paulista Sub-17

    ver detalhes
  • Adson no chão e Thiago Heleno, que causou as dores no meia-atacante, ao seu lado; jogo na Arena da Baixada foi no fim de agosto

    Sem muitas chances no Corinthians, Adson reencontra Thiago Heleno após lance que machucou seu joelho

    ver detalhes
  • Arquiteto Ruy Ohtake faleceu aos 83 anos

    Morre o arquiteto Ruy Ohtake, responsável pelo projeto do CT Joaquim Grava; Corinthians lamenta

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x