Saiba o que vai acontecer com os torcedores do Boca Juniors presos durante jogo contra o Corinthians

35 mil visualizações 240 comentários

Por Giovana Duarte e Vitor Chicarolli

Torcedor do Boca Juniors (à direita) foi um dos detidos pela Polícia Militar nesta terça-feira

Torcedor do Boca Juniors (à direita) foi um dos detidos pela Polícia Militar nesta terça-feira

Danilo Fernandes/Meu Timão

Durante o confronto entre Corinthians e Boca Juniors, na última terça-feira, três torcedores da equipe argentina foram detidos pela Polícia Militar de São Paulo. O Meu Timão explica agora os próximos passos após os crimes de injúria racial.

Dos três torcedores, dois foram enquadrados no crime de injúria racial e outro por racismo - este último foi o torcedor que fez um gesto nazista em direção à torcida do Corinthians. Por essa razão, segundo o defensor público Rafael Vieira, o torcedor pode pagar fiança.

Todos os argentinos foram levados à 6ª Delegacia de Polícia de Repressão aos Delitos de Intolerância Esportiva (DRADE) e, posteriormente, seriam encaminhados ao ao Centro de Detenção Provisória (CDP) Pinheiros 3. Mas, de acordo com a nota oficial da Secretaria de Segurança Pública, os torcedores estão no DOPE (Departamento de Operações Policiais Estratégicas) à disposição da Justiça.

Conforme determinado na audiência de custódia, ocorrida no Jecrim (Juizado Especial Criminal), ainda na Neo Química Arena, o juiz responsável autuou o trio ao pagamento de R$ 20 mil de fiança (cada um).

O pagamento das fianças podem ser feitos a partir das 10h desta quarta-feira. Caso sejam realizados, o juiz irá enviar o alvará de soltura. Todos responderão processo - os que pagarem fiança, responderão em liberdade; do contrário, seguirão no CDP.

Conforme apuração do Meu Timão, um torcedor do Boca Juniors irá pagar a fiança de dois dos três detidos na Neo Química Arena.

Quem são os detidos?

Ao todo, seis torcedores do clube argentino chegaram a ser levados ao Jecrim, mas somente em três casos existiram provas substanciais para serem considerados crime. Assim, três outros argentinos foram liberados.

Um dos três detidos é um morador de rua argentino que já está no Brasil há alguns dias. Ele não aparece em nenhum vídeo fazendo gestos racistas, mas foi flagrado por seguranças e corinthianos que estavam próximos ao setor visitante. A cena está registrada nas câmeras de segurança da Neo Química Arena. Ele aparece em um vídeo ao lado de um outro torcedor argentino praticando gestos racistas - este, porém, conseguiu fugir e não foi preso pela PM.

Outro torcedor argentino preso afirmou que não realizou gestos imitando um macaco. Os movimentos de "sobe e desce" com o braço, segundo ele, teriam sido uma provocação ao rebaixamento do Timão, em 2007. Os torcedores alegam que é um gesto comum para provocar o rival River Plate. Apesar disso, testemunhas afirmaram que o mesmo reproduziu sons de macaco.

O último argentino preso foi flagrado realizando a saudação nazista. O torcedor alega que mandou beijos para a Fiel e chegou a quase ser liberado - até este momento, a única prova era uma foto, que não serviria para determinar o gesto. Quando os vídeos de corinthianos chegaram aos policiais, ele foi detido com provas suficientes.

Este último seria enquadrado em crime de apologia, o que significaria a impossibilidade de pagar fiança. Contudo, foi autuado por racismo, o que dá a ele a possibilidade de pagar a fiança de R$ 20 mil e responder em liberdade.

Veja mais em: Neo Química Arena, Corinthians x Boca Juniors e Libertadores da América.

Veja Mais:

  • Diretoria do Corinthians precisa agir rápido para suprir a saída de Willian

    Diretoria do Corinthians já busca substituto para Willian; veja detalhes

    ver detalhes
  • Willian tem rescisão encaminhada com o Corinthians

    Corinthians e Willian acertam rescisão de contrato do jogador; saiba detalhes

    ver detalhes
  • Luan abriu o jogo e revelou que estava 100% fisicamente

    Luan afirma que estava 100% e diz não entender por que não estava jogando pelo Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians goleou o São Bernardo fora de casa na estreia do Paulistão

    Corinthians atropela o São Bernardo e estreia com vitória no Paulistão Feminino

    ver detalhes
  • Santos foi julgado no STJD após infrações e agressão em jogo contra o Corinthians

    STJD pune Santos com multa e jogos sem torcida após violência em partida contra o Corinthians

    ver detalhes
  • Torcedores do Corinthians na rua que dava acesso ao setor de visitantes do estádio do Maracanã

    Corinthianos espancados no entorno do Maracanã falam ao Meu Timão; 46 flamenguistas são presos

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x