Arthur Elias relembra trajetória de luta pelo futebol feminino ao comemorar título do Corinthians

1.7 mil visualizações 27 comentários

Por Meu Timão

Arthur Elias falou sobre o trabalho do Corinthians até o título

Arthur Elias falou sobre o trabalho do Corinthians até o título

Agência Corinthians

O Corinthians conquistou seu terceiro título brasileiro ao vencer o Palmeiras na noite deste domingo. Ao final da partida, o técnico Arthur Elias falou sobre o trabalho alvinegra e relembrou sua trajetória na modalidade.

"A gente vem fazendo esses anos de muito trabalho, grupo sempre responde bem. Temos atletas dedicadas, temos muitos valores em campo, variações táticas, entrega. Pra mim é fantástico ter um dia como esse, essa cobertura aqui, as atletas e o futebol feminino merecem. Nos preparamos pra esse momento, de título. Nós vencemos tudo do mata-mata porque estávamos preparados. Trabalhamos pra chegar forte, isso é merecimento. Está em boas mãos o titulo", disse o treinador em entrevista para o SporTV.

Arthur Elias é um dos grandes nomes da modalidade e trabalha com o Corinthians desde a reconstrução do clube, em 2016. No futebol feminino desde 2006, o trinador relembrou o caminho difícil que enfrentou com o futebol feminino até o sucesso da modalidade.

"Gratificante (saber que o Corinthians e eu somos referência no futebol feminino), eu trabalhei pra isso. Estou no feminino desde 2006, meu primeiro título foi em 2013, mais importante. Abdiquei de muito, acreditei, trabalhei sete anos sem remuneração, investi tempo, trabalho, dinheiro, quando estava tudo longe do que é hoje. As mulheres merecem mais, sempre, e fico feliz em saber que lutei, tive competência pra chegar aqui e ter essa história aqui", expôs o corinthiano.

Por fim, o técnico falou sobre a crescente do futebol feminino. Em alta há um tempo e muito por conta do Corinthians, Arthur contou como outras equipes tem investido para "correr atrás do Timão".

"Espero que sim (aumente sempre o investimento). A gente não trabalha pra ser exemplo, mas pra fazer nosso melhor, crescer, representar bem, mas sem dúvida tivemos estrutura e consolidação pra desenvolver o trabalho. São pessoas com comprometimento pra manter esse nível de atuação. Não temos vantagem quando entra em campo, o Palmeiras investiu muito, a modalidade cresceu. Ficamos felizes com isso, mas sabemos que tem mais potencial em mercado, nível de jogo e tudo isso vai crescer ainda. Investimento, a torcida e visibilidade ajudam e deixam o futebol feminino cada vez mais forte", finalizou o treinador.

Veja mais em: Corinthians Feminino, Dérbi, Arthur Elias, Títulos do Corinthians Feminino e Tricampeonato do Brasileiro Feminino.

Veja Mais:

  • Lucas Piton e Giovani durante o treino do Corinthians nesta terça-feira

    Corinthians se reapresenta após empate contra o Internacional e inicia semana livre de treinos

    ver detalhes
  • O Corinthians foi acionado pela Federação das Associações de Atletas Profissionais pela terceira vez na Justiça que, novamente, condenou o clube.

    Corinthians é condenado pela Justiça em terceira ação movida pela FAAP; veja os detalhes

    ver detalhes
  • Ao Meu Timão, Pedro Nunes falou sobre sua carreira como jogador de basquete

    Pedro Nunes conta detalhes de sua carreira e projeta nova temporada do Corinthians no NBB

    ver detalhes
  • Corinthians vai enfrentar o Fortaleza com casa cheia no sábado à tarde

    Corinthians conhece datas e horários dos jogos do Brasileiro até a rodada 34 do torneio

    ver detalhes
  • Renato Augusto "estreou" na função com Sylvinho no segundo tempo da partida

    Renato Augusto é o 12º jogador usado como centroavante pelo Corinthians em um ano e meio

    ver detalhes
  • Sub-17 e Sub-15 do Corinthians iniciam segunda fase do Paulistão 2021 no sábado, ambos contra a Ponte Preta

    Corinthians conhece grupos e tabela da segunda fase do Paulista Sub-15 e Sub-17

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x