Jô, ex-jogador do Corinthians

João Alves de Assis Silva

1987-03-20

Jogador de futebol

Male

Informações pessoais

Nome completo: João Alves de Assis Silva

Posição: atacante

Data de nascimento: 20 de março de 1987

Idade: 35 anos

Estatísticas de Jô com a camisa do Corinthians

Jogos pelo Corinthians: 284

Jogos como titular: 211

Scout: 125 vitórias, 79 empates e 80 derrotas

Títulos de Jô conquistados no Corinthians: 3 relembre

Gols de Jô pelo Corinthians: 65 relembre

Nota média da torcida: 4,82 em 280.442 votos

Estreia de Jô pelo Corinthians

Jô estrou no Corinthians em 19 de julho de 2003. Em seu primeiro jogo pelo Timão, o Corinthians venceu Guarani por 1 a 0, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro de 2003. Na ocasião, o jogador de 16 anos começou a partida no banco de reservas.

Recordes e marcas de Jô pelo Corinthians

Estatísticas de Jô no Corinthians por temporada

que atuaram pelo
Ano Jogos Gols Amarelos Vermelhos Nota média
2003 15 1 0 0 -
2004 53 10 0 0 -
2005 47 7 0 0 -
2017 64 25 10 1 7.16
2020 23 6 1 1 4.83
2021 63 12 2 0 3.49
2022 19 4 2 0 5.06

Estatísticas de Jô no Corinthians por competição

que atuaram pelo
Competição Jogos Gols Amarelos Vermelhos
Campeonato Brasileiro 183 45 7 1
Campeonato Paulista 58 14 3 0
Copa do Brasil 19 5 0 0
Copa Sudamericana 13 1 4 1
Libertadores da América 6 0 1 0

Biografia

João Alves de Assis Silva, mais conhecido como Jô, foi um atacante do Corinthians. Ele nasceu na cidade de São Paulo em 20 de março de 1987 e chegou muito cedo ao Corinthians. Jô foi revelado nas categorias de base do clube e fez sua primeira partida no profissional com apenas 16 anos.

Após dois anos no profissional, Jô despertou o interesse do CSKA Moscou, da Rússia, e foi vendido. Lá, o atacante conseguiu se destacar despertando o interesse de clubes europeus. O Manchester City, da Inglaterra, foi quem ficou com o garoto, mas ele teve poucas oportunidades e logo foi emprestado para o Everton, onde fez boa temporada.

Com alguns problemas de comportamento no clube inglês, Jô foi emprestado para o Galatasaray, da Turquia. Sem chances de atuar no Manchester, o atacante então acertou com o Internacional.

No clube brasileiro, os problemas de indisciplina voltaram a aparecer e o atacante foi punido, ficando afastado por algum tempo dos gramados e em seguida dispensado pelo clube. Assim, ele acertou com o Atlético Mineiro, onde fez boa temporada sendo campeão e artilheiro da taça Libertadores 2013.

Em 2014, o atacante sofreu com uma má fase potencializada pelo fiasco da Seleção Brasileira e que, aliadas a problemas de indisciplina novamente, o fizeram cair de produção. Mesmo assim voltou a jogar no clube mineiro, onde ficou até 2015, quando acertou com Al-Shabab, dos Emirados Árabes, por três temporadas. Na sequência, em 2016, o jogador acabou vendido para o Jiangsu Suning, da China.

No final da temporada, então, retornou ao seu clube de coração e também que o revelou: o Corinthians. Foi anunciado oficialmente no dia 2 de novembro de 2016, por três temporadas. Em 2017, foi o melhor jogador do Corinthians na temporada, conseguindo, inclusive, o feito de ser o primeiro jogador do Timão a conquistar a artilharia de um Campeonato Brasileiro. Foi campeão nacional e paulista e deixou o clube no final do ano ao ser vendido para o Nagoya Grampus, do Japão.

Em 2020, durante a paralisação do futebol por conta do coronavírus, o atacante acertou sua rescisão com o time japonês e retornou para a sua terceira passagem pelo Corinthians. Ele foi anunciado em junho daquele ano e permaneceu até junho de 2022 - seu contrato, porém, era válido até dezembro de 2023. Sua saída precoce se deu após uma série de problemas extracampo, como atrasos em treinos e registros em festas e pagodes em meio à recuperação física. A rescisão com o Timão se deu após um acordo amigável.

Jô fechou seu terceiro ciclo com um total de 284 partidas com a camisa do Timão, sendo 125 vitórias, 79 empates e 80 derrotas - um aproveitamento de 53,29%. O atacante balançou as redes 65 vezes pelo clube do Parque São Jorge.

Últimas atuações de Jô pelo Corinthians

Como foi o Jô jogando no Corinthians?

x