Corinthians empata com o São Paulo na Neo Química Arena e mantém liderança do Brasileirão

26 mil visualizações 802 comentários

Corinthians e São Paulo ficaram no empate pelo Brasileirão

Corinthians e São Paulo ficaram no empate pelo Brasileirão

Danilo Fernandes / Meu Timão

Corinthians 1 X 1 São Paulo

Brasileirão 2022
22 de maio de 2022, 16:00
Corinthians 1 x 1 São Paulo
Neo Química Arena, São Paulo, SP.

O Corinthians recebeu o São Paulo na Neo Química Arena na tarde deste domingo e conseguiu um importante resultado pelo Brasileirão. As equipes ficaram no empate em 1 a 1 e o ponto garantido pelo Timão mantém a equipe na liderança da competição.

O time de Vítor Pereira saiu atrás no placar com um gol marcado ainda no primeiro tempo, etapa em que o Timão não jogou muito bem. No segundo tempo, as alterações da equipe surtiram efeito e Adson balançou a rede para garantir o empate. O resultado ainda garantiu a manutenção do tabu da Neo Química Arena: o rival do Morumbi nunca venceu na casa corinthiana.

Agenda alvinegra: o Corinthians agora volta a campo na quinta-feira, quando enfrenta o Always Ready, da Bolívia. Pela Libertadores, a bola rola às 21h, na Neo Química Arena.

Escalação

O treinador alvinegro deu sequência ao rodízio feito entre os atletas para a disputa de todos os campeonatos do ano. Assim, o Corinthians foi a campo com Cássio, João Victor, Gil, Raul Gustavo, Gustavo Mantuan, Du Queiroz, Maycon, Fábio Santos, Renato Augusto, e Willian.

Escalação do Corinthians para o Majestoso

Meu Timão

O jogo

Primeiro tempo

O Corinthians começou a partida pressionando e criou boa chance com dois minutos de jogo. Depois do cruzamento mal afastado de Willian, a bola sobrou com Mantuan, que bateu no canto, mas a bola saiu pela esquerda do goleiro são-paulino.

Poucos minutos mais tarde, Jô foi derrubado na entrada da área e Willian foi responsável pela cobrança. O camisa 10 bateu direto no gol e obrigou Jandrei a pular e fazer a defesa para colocar a bola em escanteio. A batida feita na área acabou afastada pela defesa adversária.

Depois desses dois principais lances, o jogo passou a ser mais estudado. As equipes trocavam passes e valorizavam a posse em busca de espaço. O Timão tentou duas jogadas em contra-ataque, mas acabou sem conseguir aproveitá-las.

Aos 18 minutos, Cássio precisou trabalhar muito bem pela primeira vez no jogo. Calleri recebeu a bola pelo meio e acionou Alisson dentro da área. Ele bateu de primeira no canto e o camisa 12 do Timão caiu esticado para colocar a bola em escanteio. A bola levantada na área foi bem afastada pela defesa corinthiana.

Minutos mais tarde, foi a vez de Renato Augusto obrigar Jandrei a trabalhar. O camisa 8 bateu colocado de fora da área e o arqueiro do São Paulo foi no canto certo para fazer a defesa. Com 26 minutos, Cássio fez mais uma grande defesa e impediu o primeiro gol do jogo. O lançamento na área passou por João Victor e encontrou Calleri, que cabeceou firme e exigiu a boa participação do camisa 12.

Depois de sofrer boa pressão, o Corinthians conseguiu boa chegada e abriu o placar com 36 minutos de jogo, mas o gol foi anulado. Renato Augusto recebeu o lançamento longo pela direita, dominou e cruzou na pequena área para Jô vencer a marcação e estufar a rede, mas o lance foi anulado por invalidado por impedimento do camisa 8.

Após este lance, o Corinthians se recuperou um pouco na partida, mas ambas as equipes demoraram a conseguir lances de perigo. Já nos acréscimos, uma briga generalizada se iniciou depois de uma falta de Du Queiroz, mas a arbitragem controlou a situação. Na cobrança, o São Paulo abriu o placar com Calleri, que recebeu dentro da área e bateu na saída de Cássio.

Os visitantes foram só pressão nos minutos finais. Depois do gol, Cássio teve que fazer defesas seguidas nos chutes de Nestor e Calleri para evitar uma vantagem ainda maior dos rivais. Após isso, o primeiro tempo chegou ao fim.

Segundo tempo

Diante da dificuldade apresentada pelo Corinthians no primeiro tempo, Vítor Pereira optou por fazer uma mudança para a segunda etapa. Adson entrou em campo no lugar de Gil, colocando fim ao esquema de três zagueiros na partida.

A primeira chegada corinthiana já teve boa participação de Adson. O jovem conseguiu ótimo passe para Maycon dentro da área e o camisa 5 driblou o marcador para fazer o cruzamento, mas a bola foi afastada em escanteio.

Com quase dez minutos, o Corinthians teve boa troca de passes no ataque e a jogada entre Willian, Jô e Fábio Santos envolveu a defesa. O cruzamento para o camisa 77 acabou afastado pela defesa e a sobra foi de Mantuan, que tentou a finalização de primeira, mas pegou mal na bola.

Cinco minutos mais tarde, o Corinthians foi ao contra-ataque. Maycon comandou a jogada pelo meio e abriu na esquerda com Jô, que fez o cruzamento. Renato Augusto tentou o desvio rasteiro, mas pegou de leve na bola e ela acabou com o goleiro adversário.

Pouco depois, o São Paulo ampliou o marcador, mas o gol foi prontamente anulado por impedimento. Na saída corinthiana, Mantuan foi em velocidade e conseguiu o passe para Jô, mas a bola ficou longa e Jandrei ficou com ela.

Aos 18 minutos, Jô quase marcou. A bola ficou viva na lateral do campo e uma tentativa de corte acabou em levantamento na área. O camisa 77 conseguiu a finalização de primeira, mas Jandrei desviou de cabeça em escanteio. No lance seguinte, a bola foi afastada pela defesa, mas sobrou com Mantuan. O jovem fez o cruzamento e Diego desviou, quase marcando contra.

Minutos depois, o lançamento na área foi desviado por Jô e sobrou em Adson, mas o jovem foi pego de surpresa e não conseguiu a finalização, deixando a bola fácil para Jandrei. Depois, Mantuan recebeu o passe na direita, driblou a marcação e fez o cruzamento, mas Diego afastou.

Com 30 minutos, Vítor Pereira voltou a mexer no time e colocou Giuliano, Lucas Pinton e Júnior Moraes nos lugares de Willian, Fábio Santos e Maycon. Quatro minutos mais tarde, a pressão corinthiana e as alterações enfim surtiram efeito. Lucas Piton e Júnior Moraes trocaram passes pela esquerda e o camisa 6 cruzou na medida para Adson tocar de cabeça no canto do gol e deixar tudo igual em Itaquera.

O Timão voltou a tentar o gol com chute de Renato Augusto de fora da área, mas a bola saiu por cima do gol adversário. Pouco depois, a troca de passes corinthiana acabou em finalização de Du Queiroz, mas o chute rasteiro foi pela linha de fundo.

Já nos minutos finais, Cássio fez milagre e garantiu o ponto ao Timão. No cruzamento na pequena área, Igor conseguiu o cabeceio e o goleiro corinthiano caiu em cima da linha para fazer a defesa e ficar com a bola. O camisa 12, no entanto, lesionou o cotovelo no lance e teve que ser substituído, dando lugar para Matheus Donelli.

Veja mais em: Corinthians x São Paulo, Campeonato Brasileiro, Neo Química Arena e Majestoso.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a notícia:

x