Assustadora entrevista de Willian confirma o que todo o mundo sabia sobre Sylvinho

Roberto Gomes Zanin

Jornalista, diretor da RZ Assessoria, Bicampeão do mundo. Não sou ligado a nenhuma corrente política do clube. Quero apenas o melhor para o Timão. Discorde à vontade, mas com o respeito aos irmãos

ver detalhes

Assustadora entrevista de Willian confirma o que todo o mundo sabia sobre Sylvinho

489 mil visualizações 462 comentários Comunicar erro

Assustadora entrevista de Willian confirma o que todo o mundo sabia sobre Sylvinho

William escancarou o que já sabíamos

Foto: Rodrigo Coca - Agência Corinthians

Um detalhe cômico, se não fosse trágico, me chamou a atenção no jogo Corinthians X Ferroviária.

Quando o jogo parou para atendimento de um jogador adversário, Renato Augusto foi correndo em direção a Sylvinho. Nesse momento, em vez de ver o técnico dar orientações ao atleta, observei o contrário. Renato Augusto gesticulou e deu orientações ao treinador, mostrando que o plano de jogo não estava dando certo e explicando o que deveria ser mudado.

Já escrevi trocentas vezes aqui que o Corinthians é o topo para qualquer profissional e deve empregar gente de excelência. E, claro, não dá para ter como técnico um cidadão inexperiente no cargo. Não importa se Sylvio jogou na base e no profissional do clube, se jogou no Barcelona, no Arsenal ou sei lá onde, se fez vários cursos na Europa. O que importa é que, como diretor técnico, ele é um principiante.

A entrevista de Willian à ESPN trouxe com clareza meridiana o que todos sabíamos, mas sob o ponto de vista do elenco: "O Sylvinho ainda é novo como treinador. Vai ainda aprender muito".

Willian disse ainda que quando Sylvio tenta implantar algumas ideias e elas não dão certo, os jogadores "sugerem" (ensinam) como mudar o que não vai bem.

Pesa a favor do treinador o bom relacionamento com o grupo, já que os boleiros gostam de ter o comando do vestiário. Oswaldo de Oliveira foi campeão brasileiro e mundial desse jeito, no "brothismo". Mas chega uma hora em que o caos se instala...

A verdade é que começamos um ano importantíssimo, de volta à Libertadores, com um curioso à beira do gramado.

Deus nos ajude!

Veja mais em: Sylvinho.

Este texto é de responsabilidade do autor e não reflete, necessariamente, a opinião do Meu Timão.

Coluna do Roberto Gomes Zanin

Por Roberto Gomes Zanin

Jornalista, diretor da RZ Assessoria de imprensa, bicampeão do mundo. Não sou ligado a nenhuma corrente política do clube. Quero apenas o melhor para o Timão. Discorde à vontade, mas com o respeito.

O que você achou do post do Roberto Zanin?

x