Corinthians 2 x 0 Boca Juniors - Libertadores 2022

Libertadores 2022 - Corinthians 2 x 0 Boca Juniors

Partida de futebol entre Corinthians 2 x 0 Boca Juniors nLibertadores 2022

https://www.meutimao.com.br/jogo/7341/libertadores_2022/corinthians-2-x-0-boca_juniors

02:00

2022-04-26T21:30:00

Neo Química Arena

Endereço: Avenida Miguel Ignácio Curi, São Paulo, SP, Brasil

Corinthians 2 X 0 Boca Juniors

Libertadores 2022
26 de abril de 2022, 21:30
Corinthians 2 x 0 Boca Juniors
Neo Química Arena, São Paulo, SP.
Corinthians vs Boca Juniors edição 16 de 19

Sobre a Partida

Corinthians bate o Boca Juniors pela Libertadores em noite inspirada de Maycon

O Corinthians conseguiu uma vitória importante na noite desta terça-feira. A equipe alvinegra enfrentou o Boca Juniors na Neo Química Arena pela terceira rodada da Libertadores, conseguiu se impor diante da equipe argentina e venceu por 2 a 0.

Os corinthianos pressionaram e abriram o placar logo com cinco minutos de jogo com gol de Maycon. Ao longo do segundo tempo, o ritmo diminuiu, mas a equipe alvinegra seguia em busca do segundo gol, que veio também com o camisa 5, já nos minutos finais.

Agenda alvinegra: o Corinthians volta a entrar em campo no próximo domingo. Agora pelo Brasileirão, o Timão enfrenta o Fortaleza às 16h, novamente na Neo Química Arena.

Os titulares

Dando continuidade ao rodízio proposto por Vítor Pereira, o substituto do técnico, Filipe Almeida, escalou o Corinthians com Cássio; Fagner, João Victor, Raul Gustavo e Fábio Santos; Du Queiroz, Maycon e Renato Augusto; Adson, Willian e Jô.

Escalação do Corinthians para enfrentar o Boca Juniors

Meu Timão

O Boca Juniors, por sua vez, foi a campo com Javier García; Luis Advíncula, Carlos Zambrano, Gabriel Aranda e Frank Fabra; Cristian Medina, Pol Fernández e Juan Ramírez; Oscar Romero; Eduardo Salvio e Luis Vázquez.

O jogo

Primeiro tempo

Os primeiros minutos de jogo foram bastante intensos, com o Corinthians tentando boas chegadas ao ataque. Desse jeito, a equipe alvinegra abriu o placar aos cinco minutos de jogo. Fagner recebeu o ótimo passe de Renato na direita, dominou com liberdade e cruzou na cabeça de Maycon, que cabeceou firme no canto direito do goleiro.

O Timão seguia pressionando os visitantes, tinha a posse e trabalhava a bola me busca de espaço no ataque. A equipe voltou a levar perigo quando Adson arrancou em velocidade, driblou o marcador e acionou Renato Augusto na entrada da área. O camisa 8 bateu de primeira, mas mandou por cima do gol.

O Corinthians criava a maioria das suas jogadas pela direita, na parceria entre Renato, Fagner e Adson. Foi do jovem camisa 28, inclusive, a nova finalização de perigo do Timão: depois que o cruzamento passou por Renato Augusto, ele dominou na área e bateu rasteiro, mas a bola ficou nas mãos de García.

Aos 20 minutos, Adson foi derrubado perto da área e pediu falta, mas o juiz deixou o jogo seguir. A bola ficou viva na área e Renato brigou por ela depois que i quique quase encobriu o goleiro, mas García se recuperou e ficou com ela. O Boca teve sua primeira boa oportunidade pouco depois quando Vázquez recebeu o cruzamento e tentou de carrinho na pequena área, mas não alcançou a bola.

Poucos minutos depois, Renato Augusto levou perigo ao gol adversário quando recebeu na entrada da área, limpou o marcador e bateu com força, mas mandou por cima do gol. Os argentinos tiveram cobrança de falta perto da área corinthiana pouco depois de um princípio de briga e o Timão precisou contar com Raul Gustavo para afastar o cruzamento por baixo na pequena área.

Nos minutos finais, o Corinthians construiu linda jogada quando Jô fez a proteção no meio de campo e acionou Renato, que lançou Adson em velocidade. Ele invadiu a área e tentou cortar a marcação, que se recuperou e travou o chute corinthiano. O Timão ainda recuperou a bola e Renato tocou com Maycon em elevação na área, mas o camisa 5 foi desarmado antes do chute.

Os argentinos não conseguiram oferecer muito perigo ao gol corinthiano e sofreram bastante com a pressão alvinegra. Assim, o primeiro tempo chegou ao fim com vitória parcial do Timão.

Segundo tempo

O Corinthians voltou para o segundo tempo com duas alterações: Mantuan e Róger Guedes entraram nos lugares de Adson e Jô. A primeira chegada corinthiana foi com cerca de cinco minutos, quando Renato Augusto fez o passe para Róger Guedes na lateral do campo e ele acionou Fagner em velocidade de primeira. O lateral conduziu a bola ao ataque e cruzou para Renato, que bateu de primeira na entrada da área, mas pegou mal e viu a bola sair em tiro de meta.

O ritmo do segundo tempo era menos intenso em relação ao primeiro e o Boca conseguiu sua primeira finalização com quase dez minutos, mas Cássio caiu e fez a defesa sem dificuldades. Pouco depois, em cobrança de escanteio, Fernández tentou o desvio de cabeça, mas mandou a bola pela linha de fundo.

Aos 15 minutos, a nova alteração do Corinthians colocou Paulinho no lugar de Renato Augusto. Pouco depois, um novo princípio de briga envolveu João Victor e Benedetto, mas Maycon separou e afastou o zagueiro corinthiano.

Com cerca de 20 minutos, o Timão voltou a chegar com perigo no cabeceio de Paulinho, mas a bola foi para fora. O camisa 18 pediu escanteio, mas o juiz marcou apenas tiro de meta. Cerca de cinco minutos mais tarde, Du Queiroz deixou o campo para a entrada de Cantillo.

Pouco antes dos 35 minutos, a estrela de Maycon voltou a brilhar e o Corinthians chegou ao seu segundo gol. O camisa 5 começou a jogada acionando Willian, que comandou o lance ofensivo e tocou com Guedes. O camisa 9 invadiu a área, cruzou e viu García conseguir um leve desvio, mas a bola sobrou com Maycon, que teve o gol livre para estufar a rede.

Nos minutos finais, o Timão conseguiu administrar o resultado positivo conquistado diante da Fiel. Em uma última mudança, a equipe ainda viu Mosquito entrar em campo no lugar de Willian. Sem mais chance de perigo para nenhuma das equipes, o jogo chegou ao fim em 2 a 0 e liderança do Timão no Grupo E da competição.

Ficha técnica de Corinthians 2 x 0 Boca Juniors

Competição: Copa Libertadores da América
Local: Neo Química Arena, São Paulo, SP
Data: 26 de abril de 2022 (terça-feira)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Andres Matonte
Assistentes: Richard Trindad e Martin Soppi
Gols: Maycon (duas vezes) (Corinthians)
Cartões amarelos: Fagner, João Victor, Raul Gustavo, Du Queiroz e Renato Augusto (Corinthians); Aranda, Frank Fabra, Cristian Medina e Benedetto (Boca Juniors)
Público: 44.313 pagantes (público total: 44.449)
Renda: R$ 4.611.628,25

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, João Victor, Raul Gustavo e Fábio Santos; Du Queiroz (Cantillo), Maycon e Renato Augusto (Paulinho); Adson (Gustavo Mantuan), Willian (Gustavo Silva) e (Róger Guedes).
Técnico: Filipe Almeida

BOCA JUNIORS: Javier Garcia; Luis Advíncula, Carlos Zambrano, Aranda, Frank Fabra, Cristian Medina (Zeballos), Pol Fernández, Juan Ramírez (Varela), Oscar Romero, Salvio e Luis Vázques (Benedetto).
Técnico: Sebastian Battaglia

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida: Corinthians 2 x 0 Boca Juniors

x